Facebook TCE-CE Twitter TCE-CE Youtube TCE-CE Whatsapp TCE-CE


Complexo Industrial e Portuário do Pecém – CIPP

Apresentação

 pecem

 

O Porto do Pecém foi construído para disponibilizar a infraestrutura portuária necessária à implantação de grande complexo industrial, visando o desenvolvimento do Estado do Ceará e da Região Nordeste. Atualmente encontra-se em andamento o processo de licenciamento das usinas termoelétrica e siderúrgica e da refinaria Premium II (Petrobrás), a execução da Ferrovia Nova Transnordestina, além do processo de ampliação do Complexo Portuário do Pecém. 

 

A movimentação de produtos pelo Terminal do Pecém tem atingido 1,6 milhões de toneladas/ano, no entanto, com as ampliações, é previsto, em 2013, um salto para 45,2 milhões e, em 2016, para 66,4 milhões. No final desta década, em 2020, é provável que a movimentação atinja 83,3 milhões de toneladas/ano. Estima-se ainda que serão transferidos cerca de 7.000 m³/ano de gás natural para o continente pelo Terminal de Gás Liquefeito de Petróleo (GLP), que é operado pela Petrobrás.

 

A 1ª obra de ampliação do Porto do Pecém, também chamada de Terminal de Múltiplo Uso (TMUT), é configurada por 2 berços de atracação de 350m de comprimento cada (700m de cais acostável) e permitirá a movimentação de contêineres de carga em geral, operação que era realizada anteriormente no Píer 1 no Porto do Pecém.

 

Para o TMUT, serão construídos ainda dois novos berços de atracação ao longo do quebra-mar, ampliado-o na direção Noroeste (NO) em 600 metros de comprimento, dilatando o pátio da retroárea em, aproximadamente, 71.400 m². Esta etapa da construção representa a 2ª Ampliação do Porto do Pecém.  A execução da obra permitirá a atracação de navios cargueiros de até 140.000 TPB (Toneladas por Porte Bruto – peso que o navio pode transportar, incluindo carga, combustível, tripulação e o que for necessário para sua completa operação) ou de navios Porta Contêineres Ultra Grandes para 14.500 TEU´s (Twenty Foot Equivalent Unit – termo em inglês de unidade utilizada para descrever a capacidade de um contêiner, que se baseia no volume de um modelo padrão cujo comprimento é de 20 pés ou 6.1 metros, largura de 8 pés ou 2,44 metros e altura de 8 pés e 6 polegadas ou 2,59 metros). O Terminal de Múltipla Utilidade foi projetado para operação de carga geral, contêineres e produtos siderúrgicos para sobrecarga de 10,0 toneladas/m² e operação de guindaste de pórtico com 30,48 metros (100 pés) de bitola.

 

Em relação ao quebra-mar, o braço existente no sentido Sudoeste – Nordeste (SO-NE), que possui cota da crista na elevação +8,00 metros e fundo marinho em torno da elevação -17,50 metros, será estendido cerca de 90,00 metros no sentido da terra e terá a sua seção transversal alargada, no sentido de Noroeste para Sudeste (NO-SE) em cerca de 33,00 metros. Serão utilizados cerca de 996.500 m³ de rocha, sendo 803.580 m³ de rocha de 1,0 a 6,0 toneladas na carapaça interna e 162.920 m³ de rocha de 6,0 a 9,0 toneladas na carapaça externa. Toda a sua extensão existente, ampliada e alargada receberá pavimentação.

 

A nova ponte de acesso com extensão total de 1.520 metros e 32,10 metros de largura, que será construída para ligar o continente ao quebra-mar existente e dar acesso ao TMUT, localizar-se-á paralelamente à primeira ponte. Conforme o projeto, a ponte terá o uso múltiplo para:

  • pista de rolamento com 10m de largura com guarda roda tipo New Jersey;
  • tubovia;
  • correias transportadoras de grãos;
  • correias transportadoras de minério;
  • utilidades elétricas; e
  • acesso de veículos.

 

O objeto da obra teve valor estimado, a partir da tabela de preços da Secretaria de Infraestrutura (SEINFRA), em R$ 609.195.888,06, entretanto, foi contratado pelo Governo Estadual no valor de R$ 568.715.848,45; contrato assinado em 19/12/2011. No decorrer de sua execução, sofreu dois aditivos, o primeiro acrescendo o valor de R$ 132.283.407,22 e o segundo prorrogando a data prevista de término para 17/12/2017. O valor atual da contratação, incluindo reajustamento de preços, é de R$ 728.151.225,29.

 

 

Informações atualizadas em 8/6/2015

Rua Sena Madureira, 1047 - CEP: 60055-080 - Fortaleza/CE - (85) 3488.5900

Horário de funcionamento: de segunda a sexta-feira, das 8 às 12 e das 14 às 18 horas.